Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

Com investigações da DP de Serafina Corrêa e DRACO de Lajeado quadrilha especializada em furtos de caminhões é presa

por Marco Aurélio Santana

Ação, que resultou na prisão de três pessoas, aconteceu na manhã da terça-feira, dia 7 de julho, com o cumprimento de mandados de busca e apreensão e prisão em Novo Hamburgo e São Leopoldo

Agentes da Delegacia de Polícia Civil de Serafina Corrêa (DP), coordenados pelo delegado Tiago Lopes de Albuquerque, em operação conjunta com policiais das DPs de Guaporé e Encantado e das Delegacias de Repressão de Ações Criminosas Organizadas (DRACOs) de Lajeado e São Leopoldo, desarticularam na manhã da terça-feira, dia 07 de julho, uma quadrilha especializada em praticar furtos de caminhões em todo o território gaúcho. Ação aconteceu nos municípios de São Leopoldo (bairros Campina e Scharlau) e Novo Hamburgo (bairros Lomba Grande e Santo Afonso) onde foram cumpridos seis mandados de busca de apreensão (MBA) e dois de prisão temporária, expedidos pela 2ª Vara Judicial de Encantado.

Conforme o delegado Albuquerque, a quadrilha recentemente praticou furtos de veículos pesados em Serafina Corrêa, Encantado, Lajeado e Venâncio Aires. O modo de atuação foi semelhante em todos os casos. As empresas vítimas eram do ramo da construção civil e estruturas. A quadrilha efetuava previamente o reconhecimento do local do furto e escolhia os veículos que possuíam guindaste (Munk) e, utilizando chave micha, arrombavam e os levavam.

Para a prática, os integrantes da quadrilha, agindo sempre em três ou quatro pessoas, utilizavam roupas características de motoristas do ramo, ou seja, com faixas refletivas. Durante as investigações, os policiais apuraram que os veículos utilizados para o reconhecimento e transporte dos criminosos no dia do crime eram locados em nome de uma mulher. Esta, juntamente com seu companheiro, possui empresa do ramo de transporte e guincho em São Leopoldo. Ambos foram presos no bairro Campina durante a operação. Em pelo menos duas oportunidades, logo após as ações delituosas, os criminosos entravam em contato com as vítimas e exigiam o pagamento do resgate do caminhão “munk” furtado.

Na operação, os policiais civis encontraram um galpão, de propriedade de um dos investigados, no bairro Santo Afonso em Novo Hamburgo, onde localizaram diversas partes de veículos que estavam sendo desmanchados ou que já haviam sido objetos de desmanche, como cabines, chassis, pneus, parte de uma carga de madeira de um caminhão furtado e outras cargas. Ainda, encontraram documentos e objetos dos veículos furtados em Encantado, Lajeado e Serafina Corrêa. Pela documentação e peças dos caminhões foi possível identificar que cerca de 20 veículos ou mais foram desmanchados no galpão.

Apreensões e prisões

Na ação da Polícia Civil (PC), três criminosos, sendo um casal, ambos com 29 anos e extensa ficha criminal (crimes de furto qualificado, roubo, receptação, porte de arma de fogo) e um homem, primo de um dos investigados (flagrante por posse ilegal de arma de fogo), foram presos. Os policiais civis apreenderam dois veículos de propriedade da “empresa de fachada” e dos suspeitos, bem como duas armas de fogo, R$ 2 mil em dinheiro, aparelhos de telefones celulares e outros objetos.

Os três presos, encaminhados para os procedimentos legais na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de São Leopoldo e para a DPPA de Lajeado, irão responder pelos crimes de furto qualificado e organização criminosa. Não descarta-se a responsabilização também por lavagem de dinheiro, visto que os caminhões e equipamentos de guincho retirados eram vendidos em Santa Catarina (SC). Posterior ao registro, o casal foi conduzido para o Presídio Estadual de Encantado.

Caminhões furtados

Pelo menos quatro caminhões foram furtados pela quadrilha nos meses de abril e maio, quando houve intensificação da investigação dos policiais civis.

O primeiro registro de furto, no dia 7 de abril, foi no pátio de uma empresa de construção, localizada no Distrito Industrial de Venâncio Aires na RSC-453, de onde foi levado um caminhão Mercedes-Benz, avaliado em R$ 30 mil, o qual possuía ainda um equipamento de suspensão de cargas, conhecido como “munk”, com valor aproximado de R$ 40 mil. O veículo foi abandonado em Gravataí.

A segunda ação delituosa aconteceu no pátio de uma empresa de engenharia às margens da BR-386, em Lajeado. O grupo, no dia 25 de abril, subtraiu um caminhão Ford/Cargo avaliado em R$ 75 mil. O veículo, não recuperado, possuía ainda o “munk”, o qual é avaliado em mais de R$ 100 mil.

Em Serafina Corrêa, os policiais registraram no dia 10 de maio, o furto de um caminhão VW/8.140, avaliado em R$ 45 mil, no pátio de uma empresa de artefatos de cimento, localizada no bairro Salete (Industrial). O veículo possuía “munk” avaliado em R$ 40 mil.

No município de Encantado, às margens da ERS-129 em empresa de construção, a quadrilha furtou um Ford/Cargo 1622, avaliado em R$ 65 mil. O veículo foi recuperado na mesma noite.

Fonte: Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais