Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Cerca de 200 audiências estão em processo de espera no Fórum de Veranópolis

por Larissa Macena de Oliveira
Foto: Dirceu Tedesco | Tua Rádio Veranense

Devido a pandemia e a classificação em bandeira preta, a determinação do Tribunal de Justiça é a não circulação de processo físicos, consequentemente não estão tramitando. Em razão do acúmulo de audiências no Fórum de Veranópolis, em 2020, as mesmas foram retomadas por, aproximadamente, dois meses, sendo realizadas no modelo de vídeo conferência.  
Atualmente, conforme o Promotor de Justiça, Dr. Lúcio Flavo Miotto, cerca de 200 audiências estão na fila de espera para serem realizadas. “Nós temos parados, aguardando audiência dentro do Fórum de Veranópolis, aproximadamente 200 audiências a serem realizadas e também aquelas que estão para serem remetidas pela Brigada Militar e Polícia Civil. Pensando só em termos circunstanciados, precisamos um longo período para pôr em dia”, afirma o Promotor.
Os termos circunstanciados ocorridos durante a pandemia, como aglomerações, serão revertidos em ações comunitárias, pagamento de cesta básica ou multa. Como afirma o Dr. Lúcio Flavo Miotto "as ideias dos termos circunstanciados é você aplicar penas alternativas à prisão, como prestação de serviços comunitários, doação de valores para entidades assistenciais”. 
Novas mudanças estão ocorrendo, principalmente, na forma de realizar audiências no sistema jurídico, afim de que consigam resolver os processos. Audiências com réus presos são prioridade no momento e, por isso, estão ocorrendo por meio de vídeo conferência.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Veranense

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais