Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
 
 

Acesso a Tamandaré contabiliza pelo menos 16 acidentes e duas mortes nos últimos três anos

Central de Conteúdo Rádio Garibaldi AM

Levantamento foi feito por um empresário de Bento Gonçalves

Foto: João Paulo Deluca

Com a entrega do projeto de construção de um trevo de acesso ao bairro Tamandaré, na RSC-453, o momento é de levantar o número de acidentes e fatalidades ocorridas em um dos pontos mais críticos da região. Um empresário de Bento Gonçalves fez um levantamento para contabilizar o número de ocorrências no local.

Utilizando reportagens da imprensa regional, foram contabilizados 16 acidentes com duas mortes nas proximidades da entrada para Tamandaré em um espaço de três anos. As duas vítimas fatais foram motociclistas. Um deles, Alex Biasibetti, de 26 anos, estava em uma motocicleta que colidiu com uma caminhonete no dia 8 de março de 2018. A segunda vítima fatal no levantamento do empresário foi em 3 de abril de 2019, quando uma motocicleta colidiu com um caminhão. O motociclista Clésio Benedito Iaronza, 54 anos, morreu no local. Nos outros acidentes, foram registradas lesões nos ocupantes dos veículos, além de destruição de grande monta nos automóveis.

O empresário enviou o levantamento para o DAER, junto com as ocorrências do entroncamento da RSC-435 com a ERS-444, no entroncamento do Barracão, que tem números também expressivos. No espaço de três anos, foram 18 acidentes com seis mortes. O empresário solicitou ao DAER providências nos dois trevos, sugerindo a instalação de controladores de velocidade, mas segundo ele, não houve retorno por parte da autarquia. O trevo no acesso a Tamandaré será uma obra da Prefeitura de Garibaldi, que enviou o projeto ao DAER e aguarda a aprovação.

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Garibaldi

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais