Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
 
 

Missa marcará o feriado de Finados em Soledade

Baixar Áudio por Marcus Vinicius Prates de Souza

Celebração será na segunda-feira, 02/11, às 09 h, no Cemitério Municipal com transmissão pela Tua Rádio Cristal

A Tua Rádio Cristal transmitirá nesta segunda-feira, 02/11, feriado de Finados, a tradicional missa a partir das 09 h, direto do Cemitério Municipal de Soledade.

O local já recebe visitantes, até mesmo de outras cidades, a fim da limpeza dos túmulos, em sinal de carinho e afeição por aqueles que já se foram e que sempre deixam saudades.

Frei Alcides Cantídio Soares, pároco em Soledade destaca que apesar de estarmos em um ano atípico, a missa será realizada e o bom é que o evento será ao ar livre, nas dependências do campo santo e o alerta é para que os presentes façam o uso das medidas de prevenção.

"Pedimos a todas as pessoas que participarem da missa, para que utilizem suas máscaras e pelo fato de estarmos em um local aberto acredito que não teremos aglomeração. Mesmo assim, deixamos o lembrete de que mantenham o distanciamento", destaca o pároco.

Quanto a data do feriado de Finados, Soares enfatiza que este é o dia propício de se estabelecer uma comunhão através da memória para com aqueles que já não estão entre nós.

"Gosto muito da frase existente na entrada do Cemitério Municipal, 'Aqueles que amamos não morrem, apenas partem antes de nós' o que nos faz concluir que se morremos em Cristo, com ele ressuscitaremos", salienta o frei.

"Nossa fé, traz que oração é a chave para a o consolo daqueles que aqui ficaram e que jamais esquecerão seus entes queridos. Estes não estão mais aqui conosco, mas sim estão junto de Deus", conclui o pároco.

Origem do feriado de Finados

A origem do feriado de Finados remete ao ano 998. Antes, já existia o costume de se enterrar e se rezar pelos mortos, mas a data de 2 de novembro foi oficialmente instituída por um monge beneditino, Odilo de Cluny, que viveu do ano 962 ao ano 1049.

Na data, o monge ordenou aos clérigos de sua abadia e a todos aqueles que seguissem a Ordem Beneditina que deveriam rezar pelas almas dos mortos. O costume se popularizou a partir do século XII, quando deixou de ser algo somente da igreja.

Não é incomum encontrar em diversas culturas um mesmo aspecto que é visto, entendido ou praticado de formas diferentes. Essa ideia também vale para o Dia dos Mortos, cuja celebração muda conforme a cultura do povo.

 

Central de Conteúdo Unidade Tua Rádio Cristal

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais