Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Roteiro de Celebração para o 30º Domingo Tempo Comum

por João Carlos Romanini

A salvação é um dom de Deus. Celebração para 27 de outubro de 2019

Foto: Divulgação

ACOLHIDA

Animador: Na alegria do nosso encontro para juntos celebrarmos fé e vida, acolhemos a todos desejando paz e bem. Concluímos, neste dia, o mês missionário. Tenhamos presente o Sínodo que acontece em Roma e que nos pede para cuidarmos melhor da Amazônia. Acolhemos a procissão de entrada cantando.

 

ATO PENITENCIAL

Animador: Confiantes na misericórdia do Pai, peçamos perdão.

-Pelas vezes que nos colocamos em destaque por nos considerar mais importantes do que os nossos irmãos, Senhor, tende piedade de nós.

-Por vivermos nossa fé de maneira superficial, sem nos preocuparmos com a nossa salvação, Cristo, tende piedade de nós.

-Por não vivermos a missão de levar a Boa Nova a todos os irmãos, Senhor, tende piedade de nós.

 

GLÓRIA

Animador: Glorifiquemos a Deus pelos irmãos que assumiram a missão de promover ações que ajudam a cuidar da ecologia e da vida dos irmãos. Cantemos.

 

LITURGIA DA PALAVRA

Animador: A liturgia nos deixa claro que a salvação é dom de Deus e como podemos alcança-la. Escutemos com atenção.

 

1ª Leitura: Eclo 35,15-17.20-22ª

2ª Leitura: 2Tm 4,6-8.16-18

Evangelho: Lc 18,9-14

 

REFLEXÃO

- Estamos vivendo o Mês Missionário Extraordinário, período que convida à reflexão e nos ajuda a renovar e fortalecer nossa fé. A partir das leituras ouvidas, podemos refletir: O que é ser pobre e o que é ser rico? Quem é pecador? Como nos vemos e como Deus avalia nossas atitudes?  O que ele espera de cada um de nós? Como será nosso julgamento?

- A primeira leitura nos mostra que Deus é um juiz que não discrimina ninguém e sempre escuta a oração de quem o procura com fé, não importa se é rico ou pobre de bens materiais, o que ele quer é que cada um de nós siga sua Palavra, vivencie seus ensinamentos e tenha profundo amor por ele e pelos irmãos.

- A parábola contada por Jesus no Evangelho, nos mostra que muitos confiam na sua própria justiça, como é o caso do Fariseu que eleva sua oração vangloriando-se a si mesmo e a própria maneira de agir, o que não é da vontade de Deus,  pois  é o cobrador de impostos  que se reconhece humilde e  pecador que alcança a misericórdia do Pai. Isso nos mostra que todos nós podemos merecer a misericórdia, a medida que seguimos sua Palavra, reconhecemos com humildade nossas falhas e fraquezas e perseveramos nas boas obras.

PRECES DA COMUNIDADE

Animador: Apresentemos a Deus as nossas preces, pedindo: Senhor, escutai a nossa prece!

 

1-Pela Igreja, para que anuncie ao mundo a mensagem de Jesus, promovendo a paz e a união, pedimos.

 

2-Por todos os homens e mulheres que assumiram a missão de promover a fé e a salvação, dom de Deus, pedimos.

 

3-Por nossa comunidade, para que viva este momento de oração como um encontro com Deus e com os irmãos, pedimos.

 

4-Por todos nós, para que saibamos cuidar da natureza, dom de Deus e responsabilidade nossa, pedimos.

 

OFERTÓRIO

Animador: Ao Senhor oferecemos as ações dos que, humildemente, trabalham promovendo o encontro da fé e da ação em favor da natureza e dos irmãos. Cantemos.

 

COMUNHÃO

Animador: A salvação é dom de Deus. Ao comungarmos buscamos o fortalecimento da nossa fé para continuarmos nossa missão como promotores da paz. Cantemos.

Central de Conteúdo Unidade Rede Scalabriniana

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais