Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Cidadania Italiana: A importância da escolha de bons profissionais na assessoria pela busca do direito

por Eduardo Cover Godinho

Advogados Mateus De Bona e Roberta Marcolina, do escritório MGB Advocacia, são especialistas nos processos para quem pretende obter o direto

Advogados Mateus e Roberta especializaram-se na matéria cidadania italiana
Foto: Divulgação

A cidadania italiana é assunto que encontra-se em alta nos dias atuais. É pautada pela situação de instabilidade política e econômica do Brasil e principalmente pelas possibilidades que ela traz a seus beneficiários, seja pelas opções de intercâmbio com outros países que dispensam a necessidade de obtenção de vistos ou autorizações temporárias de permanências ou seja pelo encontro de suas raízes sanguíneas na linhagem parental dos imigrantes. Ocorre que muitos oportunistas, que se dizem entendidos no assunto, mas na verdade só querem tirar vantagens financeiras, apresentam soluções de curto prazo ou maneiras de burlar as regras para quem pretende obter o direito.

Os requisitos são claros junto à Lei que defere este direito aos descendentes de imigrantes, porém, devido ao período do lapso temporal que decorre entre o cadastro e a efetiva concessão, alguns agentes com claro intuito criminoso apresentam soluções milagrosas para a finalização dos trâmites em tempo recorde, os quais acabam se aproveitando da inexperiência dos interessados e acabam enxergando ali uma forma de diminuir o tempo de espera para ter sua tão sonhada cidadania. Inúmeras foram as reportagens junto aos meios de comunicação nos últimos meses sobre assessorias que apresentavam tais soluções milagrosas através da Internet e das redes sociais e que tiveram seus trâmites desbaratados pelos Órgãos de investigação do Governo Italiano, fazendo com que descendentes mesmo com direito a obtenção da cidadania, tivessem a mesma cancelada e atualmente respondam processos por realização de práticas ilegais.

Nos últimos anos, várias foram as medidas adotadas para impedir tais procedimentos como também, novas práticas foram implantadas para acelerar a análise dos processos junto aos Consulados.

“Existem previsões otimistas para um menor tempo de espera entre o cadastro e o efetivo deferimento. A única certeza aos interessados é que devem pesquisar todas as referências possíveis junto aos profissionais contratados, tirando dúvidas e não comprando “gato por lebre”. Infelizmente vivemos em uma época na qual os meios eletrônicos e redes sociais se tornaram um mecanismo que servem tanto para o bem quanto para o mal da sociedade, visando lucro fácil e respostas imediatas, as quais infelizmente nem sempre são fáceis de serem atingidas”, disseram os advogados Mateus De Bona e Roberta Marcolina, especialistas na matéria cidadania.

Conforme destacam, um bom profissional deve demonstrar ao cliente que existe a forma correta a qual pode levar mais tempo para ser concluída, e a forma rápida e irregular que quase sempre atinge os resultados que visam somente o interesse do contratado, deixando o contratante a mercê de sua própria sorte, que na ânsia de atingir seu resultado sequer mensurou os riscos e perigos da prática que estava realizando.

“Nesses mais de dez anos de trabalho no seguimento, muitas foram as situações de clientes que nos procuraram não para contratar nossos serviços buscando assessoria, mas para encontrar soluções para consertar práticas realizadas por outros agentes que os colocaram em situações que lhes trouxeram única e exclusivamente mais despesas financeiras e os fizeram passar por situações não esperadas, as quais teriam sido evitadas na escolha de um melhor profissional”, destacaram os advogados Mateus e Roberta que atuam juntos em Guaporé e na região da Serra Gaúcha.

Para obtenção de detalhes sobre o funcionamento do processo para obtenção da cidadania italiana, basta entrar em contato junto ao escritório MGB Advogados, que encontra-se próximo ao Fórum de Guaporé, na Rua Gino Morassutti, nº. 1115, sala 102B, edifício Davale, centro, CEP: 99200-000, Guaporé/RS. Contatos também pelos telefones (54) 3443.2941, (54) 99612.0379, (54) 99608.1599, ou no endereço eletrônico: [email protected].

Central de Conteúdo Unidade Rosário

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais