Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
 
 

Bombeiros interditam a Sociedade Grêmio Bochófilo Gaúcho

por Eduardo Cover Godinho

Proprietário não regularizou o estabelecimento e o mesmo foi interditado, segundo a lei vigente

Sociedade terá que se enquadrar na Lei 14.376/2013 para reabrir as portas novamente
Foto: Bombeiros Guaporé

A fiscalização em casas noturnas, bares, boates, clubes e sociedades que promovem grandes aglomerações de pessoas está cada vez mais rigorosa no Rio Grande do Sul. Depois da tragédia na Boate Kiss, em Santa Maria, em janeiro de 2013, o trabalho do Corpo de Bombeiros, responsável pela inspeção e o cumprimento das leis nestes pontos, fez com que os proprietários dos estabelecimentos alterassem vários itens e proporcionassem maior segurança para os frequentadores. O “cerco fechou” e por diversas vezes os bombeiros foram aos locais cobrar o cumprimento das normas.

Na última semana, o Corpo de Bombeiros de Guaporé, através dos trabalhos coordenados pelo Tenente Vladimir Lopes Alves, efetuou atividades rotineiras de verificação das condições de segurança dos clubes, sociedades, bares e casas noturnas. Os bombeiros não revelaram o número exato de estabelecimentos fiscalizados e notificados, pois o trabalho seguirá nos próximos dias. Um único ponto, até o momento, foi interditado, até que haja a devida regularização. A Sociedade Grêmio Bochófilo Gaúcho apresentou pendências de sistemas e de equipamentos de prevenção contra incêndios, conforme determina a Lei 14.376/2013, que estabelece normas sobre segurança, prevenção e proteção contra incêndio nas edificações e áreas de risco de incêndio.

“Vamos continuar com as inspeções nestes locais de reunião de público, pois só assim conseguiremos dar segurança aos proprietários e frequentadores. Isso não é para o mal dos donos, como possam estar pensando, mas para que no futuro, caso ocorra um acidente ou algo desta natureza, eles possam estar com a consciência tranquila porque estavam dentro do que determina a lei”, disse Alves.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários