Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
14:00:00
Programa de Domingo
19:00:00
 
 

Poder Público e forças da segurança realizam ações de fiscalização

por Eduardo Cover Godinho

Objetivo era evitar aglomerações e garantir o fechamento dos estabelecimentos não essenciais, conforme determinações do Governo Estadual

O Poder Público, com apoio de guarnições do 4º Pelotão da Brigada Militar (BM) e da Força Tática (FT), policiais da Delegacia de Polícia Civil (DP), Vigilância Sanitária e Coordenadoria Municipal da Defesa Civil (COMPDEC), realizou na noite do sábado, dia 20 de fevereiro, intensa fiscalização para evitar o descumprimento de medidas sanitárias publicadas no novo decreto do Estado contra a Covid-19. A ação tinha como objetivo principal orientar as pessoas, fazer cumprir os horários permitidos de funcionamento dos estabelecimentos e evitar aglomerações em vias públicas.

Por volta das 22h, as autoridades municipais e as forças de segurança pública se reuniram em frente à Prefeitura de Guaporé. De lá, partiram para pontos pré-determinados para a fiscalização, abordagem de pessoas e blitz de trânsito. Em alguns estabelecimentos, as equipes flagraram diversas pessoas dentro com as portas fechadas. Os proprietários foram orientados a fechar e houve dispersão dos presentes. Denúncias de aglomerações foram verificadas.

Parte da Avenida Monsenhor Scalabrini, trecho compreendido entre a Câmara de Vereadores e o cruzamento com a Av. Silvio Sanson, foi fechada com cones, evitando a circulação de veículos. O ponto é o de maior movimento aos finais de semana e durante as noites, em virtude do número de estabelecimentos comerciais.

Novas ações de fiscalização, para a prevenção e enfrentamento à pandemia causada pelo coronavírus (Covid-19), serão realizadas para o cumprimento das regras estabelecidas pelo decreto estadual.

Determinação

O decreto estadual prevê “vedação da realização de festas, reuniões ou eventos, formação de filas e aglomerações de pessoas nos recintos ou nas áreas internas e externas de circulação ou espera, bem como nas faixas de areia das praias, calçadas, portarias e entradas dos prédios e estabelecimentos, públicos ou privados, durante o horário compreendido entre as 22h e as 5h”. A medida é válida até o dia 2 de março.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários