Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Brigada Militar de Guaporé prende foragido com mandado de prisão por homicídio no Paraná

por Eduardo Cover Godinho

Criminoso, de 37 anos, estava com dois amigos em um automóvel Chevrolet Kadett, emplacado em Campo Bom, trafegando pela rodovia ERS-129

Ação dos policiais aconteceu no pátio de uma abastecedora de combustíveis às margens da ERS-129
Foto: Eduardo Cover Godinho

Policiais do 4º Pelotão da Brigada Militar (BM), de Guaporé, receberam na tarde da terça-feira, dia 13 de outubro, por volta das 16h, informações detalhadas de colegas da BM do município de Encantado (Vale do Taquari), que um homem, juntamente com dois amigos, estaria se deslocando em um automóvel, de cor branca, pela rodovia ERS-129 em direção a “Capital da Hospitalidade”. Este, natural de Coronel Freitas/SC, estava com um mandado de prisão preventiva decretado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJ/PR), através da Vara Criminal de Francisco Beltrão, em seu desfavor. O crime: homicídio – Art. 121 do Código Penal.

Guarnições da BM se deslocaram para a rodovia e aguardaram a passagem do veículo com as características informadas. Os policiais avistaram um Chevrolet Kadett, IEN-8528, de Campo Bom, com três tripulantes. A abordagem, para verificar a documentação dos ocupantes, foi efetuada no pátio de uma abastecedora de combustíveis às margens da rodovia. A consulta no sistema integrado da Secretaria da Segurança Pública (SSP/RS) e no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) foi efetuado para os trio. Um deles tentou enganar os policiais militares informando o nome do seu irmão, o qual está em liberdade e não há nenhum mandado de prisão expedido. Porém, a guarnição, comandada pelo tenente Júlio César de Oliveira Greff, foi insistente e, bem comunicada sobre os “passos” dados pelo catarinense, conseguiu obter a identificação verdadeira. Os outros homens, que estavam no veículo, foram liberados.

O criminoso, após receber voz de prisão, foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil (DP), de Guaporé, para os procedimentos legais e posteriormente encaminhado para o sistema prisional gaúcho. Futuramente deverá ser transferido para a Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão pelos agentes da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) ou do Departamento Penitenciário do Paraná (Depen).

 

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários