Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
14:00:00
Em Alta
18:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Mulher é presa pela Brigada Militar na ERS-129 em Serafina Corrêa

por Eduardo Cover Godinho

A criminosa, de 36 anos, estava com pertences de homens mortos em acidente após perseguição policial em São Domingos do Sul

Policiais da Brigada Militar (BM), equipe da Força Tática (FT) - pertencente ao 3º Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (3º BPAT), prenderam na tarde da segunda-feira, dia 4 de outubro, uma mulher, de 36 anos, suspeita de participar do grupo de criminosos mortos após fuga e perseguição policial na zona rural de São Domingos do Sul. Ela estava na carona de um automóvel Fiat/Siena, utilizado como Táxi, em deslocamento pela rodovia ERS-129 entre as cidades de Casca e Serafina Corrêa.

A guarnição da FT chegou à criminosa, que estava cumprindo pena em regime domiciliar, após troca de informações com policiais da Brigada Militar de Casca e Vanini. A abordagem ao veículo aconteceu nas proximidades do trevo de acesso para o município de Montauri.

A criminosa, que desrespeitava as medidas impostas pela Justiça, havido sido vista na noite do domingo, dia 3, em um automóvel GM Vectra, conversando com os quatro homens que morreram após fugirem em alta velocidade pela Avenida Luis Benvegnu em São Domingos do Sul. Com ela, no interior do Táxi, os policiais militares localizaram alguns pertencentes do bando: dois pares de tênis, uma touca ninja e o manual do automóvel Fiat/Argo utilizado na fuga. Todos os objetos estavam sujos de sangue. O taxista informou à guarnição da FT que havia sido chamado pela passageira para uma corrida e a apanhou no local onde havia ocorrido o acidente, na zona rural de São Domingos do Sul.

Após receber voz de prisão, a criminosa foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil (DP), de Serafina Corrêa, para os procedimentos legais. Posteriormente foi conduzida para o Presídio Estadual de Guaporé pela violação da prisão domiciliar. Ela ficará à disposição da Justiça.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais