Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
14:00:00
Programa de Domingo
19:00:00
 
 

Covid-19: Lar Santa Rita confirma 14 casos da doença Guaporé

por Eduardo Cover Godinho

Todos os idosos estão bem e apresentaram sintomas leves. Eles estão sendo monitorados 24h por dia, afirmou o presidente Emílio Carlos Zanon (Caio Zanon)

Mesmo com todo o rigor na aplicação das ações e medidas sanitárias no combate e disseminação do coronavírus (Covid-19), o Lar Santa Rita, conhecido carinhosamente como Lar dos Idosos de Guaporé, registrou, após nove meses de muito cuidado, os primeiros casos da doença. São 14 internos e internas que testaram positivo para a Covid-19. Todos, conforme o presidente Emílio Carlos Zanon (Caio Zanon), estão bem e apresentaram sintomas leves. Nenhum necessitou de atendimento hospitalar em decorrência da infecção do vírus.

Durante a pandemia, nenhum dos 30 assistidos com idades entre 60 e 110 anos da casa asilar, localizada nas dependências da antiga empresa Credeal – bairro Planalto, havia deixado o espaço e o Plano de Contingência, preconizado pelas autoridades governamentais, estava sendo seguido à risca. Diariamente os funcionários efetuavam a limpeza das dependências internas e externas, bem como utilizavam todos os equipamentos de proteção individual (EPIs).

“Estamos com um problema, sem dúvida nenhuma. Ficamos nove meses com todos os cuidados. Os idosos estavam isolados, sem visitas de familiares e os funcionários efetuaram cerca de 300 exames. O Lar Santa Rita estava passando até desapercebido pelo Covid-19 e nós estávamos felizes porque o protocolo estava correto. Mas, no dia 25 de novembro, nós falhamos em deixar um dos internos, acompanhado de uma técnica de enfermagem, consultar com um oftalmologista em Nova Prata”, disse Caio.

No dia seguinte, conforme o presidente, a funcionária apresentou sintomas da Covid-19, sendo afastada imediatamente. Diante do quadro, a entidade conseguiu junto à Secretaria de Saúde - Setor de Vigilância Epidemiológica, testes Molecurar RT-PCR (teste do cotonete) para todos os internos. Para surpresa e, principalmente preocupação, 14 apresentaram exames positivos para a doença. Estes, imediatamente à comprovação, foram isolados em área específica e passaram a ser monitorados a cada 2h. Alguns estão assintomáticos e outros apresentaram sintomas leves.

“O vírus, até o momento, manifestou-se superficialmente nos idosos. O médico, Dr. Leandro Vanzella está realizando um trabalho excelente com toda a equipe multidisciplinar, que é composta pela psicóloga, fisioterapeuta, fonoaudióloga e as enfermeiras e técnicas de enfermagem que se uniram e fizeram um protocolo simples de segurança para tratar dos casos que está funcionando. Estamos dando toda a cobertura para os internos. O que eu posso dizer é o seguinte: o Lar Santa Rita apresentou casos da Covid-19, mas a situação está sob controle. Não temos idosos com sintomas graves, porém, nos mantemos vigilantes”, afirmou o presidente.

Caio destacou ainda:

”Os familiares foram informados da situação e eles foram compreensíveis. Normalmente, seria uma hora de desespero. Nos acalmaram e disseram: vocês sigam o protocolo. Eles confiaram no trabalho e estamos dando retorno positivo. Nós optamos por um caminho. Eu, como presidente de uma entidade que tem 30 internos e 25 funcionários, não posso titubear, tenho que decidir. E a decisão foi seguir o protocolo sanitário e de saúde. Nos adequamos, após os casos positivos, para dar o melhor a todos. Investimos bastante na segurança dos funcionários e dos internos. Tenho certeza que vamos passar por essa sem nenhum problema”.

Conforme Caio, os colaboradores passam mensalmente por testes para detectar a presença do vírus. Foram cerca de 300 ao longo dos nove meses. Cinco funcionários, que apresentaram sintomas durante o período, foram afastados das funções pelo período estabelecido pelas autoridades de saúde. Todos retornaram após o período de isolamento.

Além dos testes, todos os funcionários foram capacitados para enfrentar a doença e uma ala específica de descontaminação foi montada nas dependências do Lar Santa Rita.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários