Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
19:00:00
A Voz Do Brasil
20:00:00
 
 

Encíclica Laudato Si - projeto de um mundo sustentado e humano

por José Theodoro

Documento foi lançado no dia 18 de junho e trata do meio ambiente de forma não isolada

O programa razões da Fé deste domingo fala sobre a Carta Encíclica “Laudato Si” do papa Francisco, lançada no dia 18 de junho. O programa vai ao ar às 22h na RedeSul de rádio, São Francisco de Caxias do Sul, Fátima de Vacaria, Cacique de Lagoa Vermelha, Alvorada de Marau, Veranense de Veranópolis, Garibaldi de Garibaldi, Maristela de Torres, Sarandi de Sarandi, Cristal de Soledade, Rosário de Serafina Corrêa, Aurora de Guaporé, Cultura de Campos Novos. Transmitem também esse programa a rádio Miriam de Farroupilha.

Foram convidados para analisar a Encíclica, Ivo Poletto - Assessor Nacional do Fórum Social de Mudanças Climáticas, licenciado em filosofia, ciências, letras e teologia. Educador popular e coordenou cursos de assessores para movimentos sociais e pastorais da comissão pastoral da terra da CNBB e da Cáritas brasileira.

Frei Luiz Carlos Susin - mestre e doutor em teologia, professor na PUC e na escola superior de teologia e espiritualidade franciscana de Porto Alegre e pesquisador do programa de pós-graduação. Ele também avalia alguns pontos da encíclica.

Moisés Sbardelotto - Mestre e doutorando em Ciências da Comunicação, estagiário em doutorado na Università di Roma "La Sapienza", na Itália, escritor, colaborador do Instituto Humanitas Unisinos e membro da Comissão Especial para o Diretório de Comunicação para a Igreja no Brasil, da CNBB e pós-graduação em Jornalismo.

Texto para Reflexão

No centro, o cuidado da casa comum.  O documento  não toca apenas o meio ambiente de maneira isolada, o que não põe a questão de forma fragmentada, e isso conduz a interrogar-se sobre o sentido da existência e sobre os valores que estão na base da vida social: Para que viemos a esta vida? Para que trabalhamos e lutamos? Que necessidade tem de nós esta terra? “Se não pulsa nelas esta pergunta de fundo, não creio que as nossas preocupações ecológicas possam surtir efeitos importantes.”, diz o Pontífice.

O nome da Encíclica foi inspirado na invocação de São Francisco, Louvado Sejas, meu Senhor,  que no Cântico das criaturas recorda que a terra, a nossa casa comum, se pode comparar ora a uma irmã, com quem partilhamos a existência, ora a uma boa mãe, que nos acolhe nos seus braços.

 

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários