Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
05:00:00
Tá na Hora
07:00:00
 
 

Mutirão de Combate à Dengue encerra com balanço positivo em Guaporé

por Eduardo Cover Godinho

Foram recolhidos e destinados aproximadamente 40 toneladas de resíduos que estavam nos pátios e residências

Diante da disseminação dos casos de Dengue no Estado do Rio Grande do Sul em 2015, e com o aparecimento de dois focos do mosquito Aedes Aegypti em Guaporé, o Município decidiu implementar ações preventivas no combate ao vetor da doença. A principal delas foi a realização do Mutirão de Combate à Dengue, envolvendo diversas Secretarias Municipais e com o auxílio da população guaporense, tendo a finalidade de recolher e destinar corretamente uma grande variedade de resíduos que poderiam se tornar criadouros do mosquito.

O Mutirão foi realizado nos meses de junho e julho, respeitando um cronograma amplamente divulgado, onde foi especificado o tipo de resíduo que seria coletado e quais bairros seriam contemplados em cada semana. Durante a ação a população de Guaporé teve a oportunidade de colocar em frente as suas moradias, objetos em desuso que podiam acumular água. Ao final do Mutirão, foram recolhidos, e destinados, aproximadamente 40 toneladas de resíduos que estavam nos pátios e residências, o que superou amplamente a previsão inicial dos organizadores.

O resultado obtido pelo Mutirão foi considerado positivo pelo Município de Guaporé, tendo em vista que demonstrou um grande envolvimento da comunidade com a temática da Dengue, e, com esta iniciativa, diversos criadouros de mosquito puderam ser eliminados, o que poderá refletir significativamente na população de vetores nos próximos meses. Além disso, o Município solicita aos moradores para continuar com as medidas preventivas em suas residências, não deixando água parada em qualquer lugar que sirva como reservatório, pois é dessa forma que o mosquito se reproduz. Consequentemente, o Município espera que estas ações reflitam diretamente na diminuição da probabilidade de ocorrência de casos de Dengue na cidade.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários