Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

Miguel Baggio Cover é campeão da Segundona Gaúcha 2019

por Eduardo Cover Godinho

Volante, de Dois Lajeados, ajudou o Guarany de Bagé na conquista do título. Time jogou 16 jogos e não perdeu na competição

O Guarany Futebol Clube, de Bagé, fundado em 19 de abril de 1907, conquistou no domingo, dia 14 de julho, no Estádio Antônio Magalhães Rossel, chamado de Estrela D’Alva, o título da Segunda Divisão do Rio Grande do Sul (Segundona Gaúcha), também chamada de Campeonato Gaúcho – 3ª Divisão. O troféu máximo foi ganho de forma invicta, feito inédito nos 112 anos de história. No grupo de jogadores, comandado pelo técnico Vanderson Pereira, o volante Miguel Baggio Cover, natural de Dois Lajeados, se destacou ao longo da campanha vitoriosa.

Com 20 anos, Baggio, como é chamado pela imprensa bageense, é filho do ex-atacante do próprio Guarany, Roberto Cover, que defendeu as cores do alvirrubro em 1978. De destaque ao longo dos 16 confrontos que a equipe realizou na competição, bem como nos amistosos, o volante, que foi parar no time através do diretor de futebol Thiago Segredo (que acompanhava o trabalho de Baggio por outros clubes), comemorou a primeira conquista como profissional.

“Sentimento de dever cumprido, foram 16 jogos, nos quais não tivemos nenhum resultado negativo. Isso mostra a força do nosso grupo que desde o início da pré-temporada apresentou muito foco para os objetivos serem alcançados. O objetivo principal do clube era o acesso e acabamos sendo coroados com o título invicto”, destacou Baggio.

O jovem jogador passou, nas categorias de base, pelos selecionados do Clube Esportivo Bento Gonçalves, Veranópolis Esporte Clube Recreativo e Cultural, Esporte Clube Juventude, Esporte Clube São José e Clube Esportivo Lajeadense. O Guarany é seu primeiro time como profissional e a carreira, que ainda está começando, tende a decolar. Baggio tem propostas de várias equipes para o segundo semestre. O dois lajeadense, que segue comemorando e com contrato em vigor até 31 de julho, estuda as possibilidades.

“O Guarany mostrou interesse na renovação de contrato, mas o clube não vai participar de nenhuma competição no segundo semestre. Os planos estão para a divisão de acesso do ano que vem para se manter na competição. Caso renove com o Guarany, eles me emprestam para algum outro clube neste segundo semestre para manter a sequência e retornar ano que vem”, salientou.

O Guarany, para conquistar o título, venceu na decisão o Sociedade Esportiva Recreativa e Cultural Brasil, de Farroupilha. O time ganhou os dois confrontos – 2x1 e 1x0. A finalíssima, em Bagé, foi acompanhada por toda a família: Roberto Cover (pai), Valmilde Baggio Cover (mãe) e Cássio Baggio Cover (irmão).

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários