Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
07:00:00
Conectado
09:00:00
 
 

Cookies e Política de Privacidade
A Tua Rádio utiliza cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Larissa Severo Stein conquista o cinturão da Copa dos Campeões de Jiu-Jítsu 2021

por Eduardo Cover Godinho

Atleta da Garra Team Guaporé destacou-se com o primeiro lugar no ranking gaúcho das faixas Branca e Azul e, de quebra, subiu um degrau na graduação

A Academia Garra Team Guaporé concluiu com muitos troféus, medalhas, vitórias e derrotas e, principalmente, com ações sociais que a projetaram na temporada 2021 como uma das mais conceituadas no mundo das lutas no Rio Grande do Sul. Para coroar o ano, um dos melhores em competições, a turma, comandada pelo professor Marcelo Rossetto, comemorou a conquista do cinturão da jovem Larissa Severo Stein. A lutadora, na categoria Feminino/Adulto Faixa Branca, venceu a Copa dos Campeões de Jiu-Jítsu 2021. Disputada em Porto Alegre, a competição reuniu os campeões e campeãs da temporada, ou seja, reuniu a “nata” da arte suave.

A Garra Team Guaporé, após todas as etapas da Copa Prime – organizada pela Federação Sport Jiu Jítsu RS (FSJJRS), competiu na Copa dos Campeões com os lutadores Andriw Leal e Larissa Severo. Ambos, em suas categorias, destacaram-se ao longo da temporada, tanto em competições em solo gaúcho, quanto Brasil afora. Andriw, por uma infelicidade, foi derrotado por duas vantagens, após um 0 a 0 no marcador. “Mesmo sem o cinturão, o Andriw, que só nos deu alegrias em 2021, encerrou como primeiro do ranking estadual com mais que o dobro dos pontos do segundo colocado. Desta forma, ele coroa um ano impecável”, disse Rossetto.

Larissa, que tinha a pressão de ter que ganhar, pois o ranking feminino mistura as faixas Brancas, Azuis e Roxas (na branca ela estava com mais que o dobro da segunda colocada e tinha uma atleta faixa azul em sua cola) foi cirúrgica e fez todo o serviço. A guaporense finalizou sua primeira luta e venceu a segunda luta, levando pra casa cinturão e o primeiro lugar só ranking estadual. De quebra, ela foi graduada na faixa Azul.

“Ela mostrou superação no tatame. Mesmo pressionada, teve concentração e lutou como deveria ter lutado. Com garra e fibra, sem esquecer a parte técnica. É fundamental para o lutador o controle da ansiedade e do querer vencer. Larissa nos orgulha, assim como todos da Garra Team Guaporé. Parabéns. Que ano! Um dos melhores no quesito de competições para nós. Que 2022 seja de muitas conquistas, dentro e fora dos tatames”, salientou Rossetto.

Com a chegada das festas de final de ano, a turma da Garra Team Guaporé dá uma segurada na intensidade dos treinamentos, mas sem descuidar muito da forma física e da parte técnica/tática. O importante, segundo Rossetto, é relaxar o corpo e a mente para os novos desafios que virão em 2022.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais