Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

De casa nova, pivô Vinícius Dall’Agnol destaca-se com gols na Série A

por André Fabio Bresolin

Clube é um dos 16 que competem na principal divisão do futsal italiano

L’Italian Coffee Petrarca, segundo o guaporense, tem um projeto sólido, bem estruturado e como objetivo da permanência na Série A
Foto: Divulgação

De casa nova! Cotado para ser um dos jogadores de destaque na temporada 2019/2020 na S.S. Lazio Calcio A5, de Roma, na disputa da Série A2 do Campeonato Italiano, o guaporense Vinícius Fedrigo Dall’Agnol, 29 anos, está novamente competindo com os grandes do futsal. Com bom desempenho na Lazio, mas com a equipe enfrentando dificuldades financeiras e sem condições de classificação para os playoffs, o pivô de 1,92m, cria da base da Agremiação Guaporense de Esportes (AGE), decidiu encarar a disputa da Série A e migrou para o Petrarca Calcio A Cinque, conhecido como L’Italian Coffee Petrarca, da cidade de Pádua. O clube é um dos 16 que competem na principal divisão do futsal da “Velha Bota”.

Com passagens pelo Milano Calcio A5 e Cisternino Futsal em 2018/2019, Vini Sardela tem noção do quão é disputado o certame e das dificuldades que encontrará. O L’Italian Coffee Petrarca, segundo o guaporense, tem um projeto sólido, bem estruturado e como objetivo da permanência na Série A. O técnico é Luca Giampaolo.

“Estava numa sequência boa na Lazio, mas o time não conseguia encaixar e as dificuldades enfrentadas pela diretoria para a manutenção, obrigaram-me a tomar a decisão de sair. Tive o consentimento do presidente e da comissão técnica para que pudesse buscar algo melhor e o Petrarca me abriu as portas. Foi tudo muito rápido. A equipe é bem estruturada fora das quatro linhas e dentro, apesar dos esforços da diretoria não conta com grandes nomes no futsal europeu, mas é unida. Quando vim para cá, o objetivo repassado pela diretoria era a permanência da elite e estamos lutando para que isso ocorra”, destacou Vini Sardela, que tem colaborado com assistências e gols.

O guaporense afirmou que seu objetivo era ter iniciado a temporada 2019/2020 em um clube que estava disputando a Série A, porém, as tratativas não evoluíram. Agora, com a chegada no L’Italian Coffee Petrarca a ideia é ganhar visibilidade, ajudando o clube com muita intensidade na marcação, assistências e bola no “fundo do barbante”.

“Num primeiro momento a Lazio disputaria a Série A, mas depois acabou desistindo. Infelizmente, não consegui começar na elite. Porém, essa oportunidade me dá ânimo redobrado para correr em busca do sonho de continuar, na próxima temporada, na principal categoria do futsal italiano”, disse.

A Série A, além da equipe do L’Italian Coffee Petrarca, conta com os selecionados do Kaos Mantova, Real Rieti, Lynux Latina, Acqua & Sapone Unigross, Real Arzignano, Signor Prestito CMB, CDM Genova, Todis Lido di Ostia, Sandro Abate Avellino, Meta Catania Bricocity, Cybertel Aniene, Came Dosson, Colormax Pescara, Feldi Eboli e Italservice Pesaro (atual campeão). Vini Sardela não é o único guaporense na disputa pelo título da elite.

O ala/pivô Fabio Rodrigues da Silva, o Fabinho, integra o excelente elenco do Acqua & Sapone Unigross, vice-campeão da temporada 2018/2019.

Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM
Rede Scalabriniana de Comunicação
Siga-nos no Instagram: @rdauroraguapore

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários