Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
00:00:00
Igreja no Rádio
05:00:00
 
 

Em atuação apática, AGE/Centro Médico/Diamaju sofre derrota para a AFUCS

por André Fabio Bresolin

Apesar da derrota, guaporenses seguem em sexto com 34 pontos

A AGE/Centro Médico/Diamaju balançou as redes com Cristian, Érico e Pedrinho
Foto: Maria Eduarda Fortes (Seberi)

“Acordamos muito tarde. Fizemos um péssimo primeiro tempo e a AFUCS abriu uma larga vantagem no marcador. Tentamos buscar, mas infelizmente não conseguimos. Que sirva de exemplo para que não aconteça isso nos próximos jogos. Lutamos muito nos 20 minutos finais. Bom destacar que eles tiveram seus méritos e saíram vencedores”, disse Purão, o mais experiente atleta guaporense após a derrota de 5x3, em Seberi. O capitão da Agremiação Guaporense de Esporte (AGE), assim como os demais jogadores, saíram de quadra decepcionados com a atuação apática, em especial da etapa inicial. A turma da “Capital da Hospitalidade” não conseguiu impor seu ritmo de jogo e pagou o preço. Os gols da AFUCS, que atuou diante de um excelente público, foram anotados por Andy, Bruninho (2), Ademir e Thales. A AGE/Centro Médico/Diamaju balançou as redes com Cristian, Érico e Pedrinho. Apesar da derrota, os guaporenses seguem em sexto com 34 pontos e estão ainda vivos na ‘luta’ para terminar entre os quatro melhores na fase classificatória da Liga Gaúcha 2.

Apática em quadra

“Não jogamos o primeiro tempo, essa é a verdade. Na etapa complementar voltamos ser a AGE que joga com muita movimentação, busca de bola e de profundidade”, destacou o técnico Fernando Castoldi. O comandante lamentou os 20 minutos iniciais. Nem bem começou o confronto, os guaporenses foram surpreendidos com um belo gol marcado por Andy, um dos artilheiros da competição. Tentando acordar, mas pecando nos detalhes, a AGE/Centro Médico/Diamaju passou a arriscar mais e Alcides, Cristian e Pedrinho levaram perigo ao gol de Jeferson. Em uma jogada trabalhada, Érico Mineiro foi derrubado na área. Em cobrança de penalidade, os guaporenses empataram. Porém, o volume de jogo era maior dos comandados do técnico Canca. Airton, Thales, Bruninho e Ademir davam trabalho para o goleiro Wellington. A pressão dos donos da casa surtiu efeito e Thales, Bruninho e Ademir anotaram três gols em questão de minutos.
Na etapa complementar, a AGE/Centro Médico/Diamaju voltou com outra atitude e passou a movimentar-se com mais eficácia em quadra. Porém, a bola teimava em não entrar. A AFUCS passou a jogar nos contra-ataques e pouco assustou. Kaju, Juliano, Érico, Alcides e Varella buscavam, de todas as maneiras, furar o sistema defensivo, mas estava difícil. Com a entrada do goleiro-linha Purão, os guaporenses dominaram as ações e em jogada de Érico Mineiro, o ala Pedrinho marcou um lindo gol de cobertura. Faltavam pouco menos de 1 minutos quando a bola morreu no fundo do barbante. Abatida, a AFUCS viu Érico Mineiro marcar um golaço do “meio da rua”. O 4x3 esquentou o duelo. Faltando 30 segundos ainda havia tempo, porém, em erro de marcação, a AGE/Centro Médico/Diamaju sofreu o quinto gol. Bruninho anotou e decretou a vitória.

“Primeiro tempo foi muito abaixo do esperado. Sabemos que podemos mais. Infelizmente pagamos com a derrota. O jogo tem 40 minutos e não podemos jogar só 20, mas saímos de cabeça erguida. Vamos treinar para minimizar os erros e buscar o resultado na próxima partida”, disse o goleador Cristian.

Em Rio Pardo

Na ‘luta’ para terminar entre os quatro melhores da fase classificatória, o que daria vantagem de jogar a segunda partida do mata-mata (quartas de final) no ginásio do Colégio Scalabrini, a AGE/Centro Médico/Diamaju viaja para Rio Pardo onde enfrenta o Nadas Branco. A partida, apesar dos esforços da diretoria guaporense para alterar a data para o dia 20 de setembro (Feriado Estadual), acontecerá no sábado, dia 21, às 20h, no ginásio Poliesportivo Paulo de Cezar Castro.

O confronto promete fortes emoções, visto o posicionamento dos dois selecionados na Liga Gaúcha 2. Nadas Branco e AGE/Centro Médico/Diamaju estão empatadas com 34 pontos nas posições 5 e 6, respectivamente. Quem vencer cola no G4 e vai para a rodada derradeira com chances claríssimas.

“A disputa da quarta vaga está aberta. A ‘bola’ dá muitas voltas. Agora nós vamos para Rio Pardo encarar uma equipe difícil, que joga muito no contra-ataque e também utiliza a referência de pivô. O estilo é quase o mesmo da AFUCS. Temos que estar concentrados durante os 40 minutos. Nosso time vai jogar, como sempre tem feito. Não mudaremos o estilo”, disse.

20ª rodada
AFUCS 5 x 3 AGE
Lagoa Futsal 7 x 3 OMF
Horizontina Futsal 7 x 1 AFF
Guarani Futsal 5 x 6 Sercca
Nadas Branco 5 x 6 E.C. Cometa
ADCH 2 x 5 AES

21ª rodada
Sexta, dia 20 de setembro, às 17h
Casca: Sercca x ADCH

Sábado, dia 21 de setembro, 20 horas
Rio Pardo: Nadas Branco x AGE
Fortaleza dos Valos: AFF x Lagoa Futsal
Sobradinho: AES x Horizontina Futsal
Carazinho: OMF x AFUCS
Rodeio Bonito: E.C.Cometa x Guarani Futsal

Classificação
Horizontina Futsal 45 pts
Lagoa Futsal 44 pts
AFUCS 38 pts
Guarany FW 37 pts
Nadas Branco 34 pts
AGE 34 pts
Sercca 32 pts
OMF 27 pts
E.C. Cometa 24 pts
AES 19 pts
ADCH 9 pts
AFF 4 pts

Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM
Rede Scalabriniana de Comunicação
Siga-nos no Instagram: @rdauroraguapore

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários