Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
12:10:00
No Ponto
14:00:00
 
 

Acadêmicos apresentam trabalhos de intervenções e restauros em edificações guaporenses

por André Fabio Bresolin

Alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo da UCS desenvolveram projetos das Casas Berto, Puperi, Greggianin e do Antigo Banco Nacional do Comércio

A professora Margit agradeceu as pessoas que acolheram os acadêmicos
Foto: Assessoria de Imprensa

Acadêmicos do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Caxias do Sul (UCS) – Campus de Bento Gonçalves (UCS Carvi), estiveram na noite da segunda-feira, dia 18 de novembro, apresentando no auditório da Casa da Cultura, sob coordenação da professora Mestre Margit Arnold Fensterseifer, os trabalhos de intervenção e restauro desenvolvidos durante a realização da disciplina Técnicas Retrospectivas. A atividade contou com a participação da secretária de Turismo, Cultura e Esporte, Cristiane Viel, secretário Geral de Governo, Odacir Toldi, familiares dos alunos, pessoas envolvidas diretamente com os imóveis e comunidade em geral.

A disciplina, conforme a prof. Margit, tem como objetivo a formulação teórica e a elaboração prática de um projeto de intervenção e conservação de edificações, com estudo de conceitos fundamentais e operacionais do “Projeto de Restauro”. Na oportunidade, os acadêmicos Cídia Muller, Letícia Calza, Letícia Graff, Evandro Celso, Laura Gaddo Dal Mas, Luane Perin, Ana Cortes, Andreza Barbosa, Karine Gentilini, Gabriela Lottici e Lucas da Silva Cazanatto, mostraram, dentro de um estudo técnico e fundamentado através do aprendizagem no curso de arquitetura e urbanismo, modificações possíveis nas Casas Berto, Puperi, Greggianin e no Antigo Banco Nacional do Comércio. As edificações são datadas do século 20, entre as décadas de 1920 e 1940, e ainda sobrevivem ao tempo.

“Para este semestre escolhemos estudar a cidade de Guaporé por possuir ainda edificações históricas que necessitam de requalificação. Com o auxílio do prof. André Melati e de dois estudantes de arquitetura que são moradores (Evandro Celso e Laura G. Dall Mas) estudamos a cidade e suas relações com o entorno, em especial nos arredores da praça. Após, os alunos escolheram quatro edificações para o exercício acadêmico alicerçado em teorias e práticas de intervenção e restauro”, destacou.

Durante a apresentação, os acadêmicos apresentaram um pouco da história de cada edificação, a situação que se encontram e a proposta de restauro e conservação.

“O intuito é incentivar a conservação e reutilização, com atividades pertinentes a nosso tempo, destas edificações e de futuras que possam ser valorizadas. Nossa expectativa é que estes trabalhos possam sensibilizar a comunidade a conservar seus patrimônios históricos materiais ainda existentes e que corroboram com a história viva de Guaporé”, afirmou a professora Mestre Margit, que agradece as pessoas que acolheram os acadêmicos abrindo suas casas para que pudessem medir e fotografar os espaços.

Central de Conteúdo Rádio Aurora/Rede Scalabriniana de Comunicação

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários