Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
12:10:00
No Ponto
14:00:00
 
 

Comércio puxa resultado positivo no mercado de trabalho em Guaporé

por Eduardo Cover Godinho

Em fevereiro, saldo, entre admissões e desligamentos, foi de 18 vínculos abertos

2018 segue sendo positivo para quem está em busca de emprego em Guaporé. Nos dois primeiros meses do ano, conforme o Ministério do Trabalho e Previdência Social (MTS), 40 desempregados conseguiram, entre as centenas de admissões e desligamentos, firmar vínculos empregatícios com carteira assinada. Em fevereiro, 12 postos de trabalho foram abertos. O Comércio colaborou para o número positivo nas contratações. Foram 71 admitidos no segundo mês do ano, contra, 53 demitidos. O saldo: 18 a mais no mercado de trabalho formal. Na contramão do crescimento, os que estavam ou buscaram vagas na construção civil. 16 vínculos foram fechados e o ano apresenta dados negativos (-9).

Conforme o Núcleo de Inovação e Desenvolvimento (NID), do Observatório do Trabalho da Universidade de Caxias do Sul (UCS), que extrai os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), nos últimos 12 meses, foram abertos 179 vínculos de trabalho em Guaporé. O setor que mais abriu postos de trabalho foi o de Serviços, com 73 vagas criadas. Nesse mesmo período, o setor que mais fechou postos de trabalho foi o do Comércio, com três vínculos encerrados.

A tendência, segundo a Lodonha Maria Portela Coimbra Soares - coordenadora do Observatório do Trabalho, é que o acumulado entre admissões e desligamentos gere resultados positivos no município, visto a diversidade econômica e a pujança da região. Guaporé conta, segundo ela, com setores industriais e comerciais que, apesar dos registros constantes de desligamentos dos colaboradores – o que é extremamente comum – acaba por absorver rapidamente a mão de obra, em especial, a qualificada.

“A expectativa é que os números continuem positivos em 2018. Sabemos que uma crise, como a que aconteceu em anos anteriores, tem um período para começar e terminar. Acreditamos que estamos recomeçando uma retomada. Os indicadores da economia com taxas de juros baixando sistematicamente e a taxa de inflação dentro das metas estipuladas pela equipe do Governo Federal estão colaborando para que haja a retomada. A perspectiva, com a diversidade dos setores econômicos de Guaporé, é que tenhamos um ano de crescimento no mercado de trabalho”, disse.

 

Brasil e RS

Os dados positivos registrados nos dois primeiros meses do ano em Guaporé são frutos do crescimento econômico no território nacional. No Brasil, o saldo acumulado no ano é de 143.186 novas admissões, e enquanto no Rio Grande do Sul o Caged aponta para a abertura de 30.910 postos de trabalho.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais