Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
05:00:00
Tá na Hora
07:00:00
 
 

Médico guaporense doa aparelho para Hospital de Dombe

por Eduardo Cover Godinho

Equipamento de Ecografia, repassado pelo Dr. Julio Feijó, clínico e cirurgião geral, está sendo utilizado por profissionais da saúde no Moçambique

Foppa, que atua como voluntário há anos em Dombe, no momento da entrega do aparelho ao Dr. Sérgio

Gestos de solidariedade e amor ao próximo estão cada vez mais raros nos dias atuais. Porém, há empresários, anônimos e membros de entidades assistenciais/sociais com enorme coração que ainda se solidarizam com os necessitados, àqueles que enfrentam dificuldades, sejam elas financeiras ou de saúde. Eles trabalham muito e doam parte do tempo e do que ganham para ajudar o próximo. São esses verdadeiros anjos que alimentam a esperança de um futuro melhor, com menor desigualdade social. Entre eles, está o médico guaporense Dr. Julio Feijó.

Integrante do Rotary Clube Guaporé e com atuação em outras entidades, o clínico e cirurgião geral doou ao amigo Ildo Foppa, que atualmente desenvolve trabalhos solidários e humanitários do outro lado do Oceano Atlântico – Continente Africano – um aparelho de Ecografia. O equipamento, levado por Foppa, está sendo utilizado na unidade hospitalar do Distrito de Dombe, município de Sussundenga – Província/Estado de Mânica – centro de Moçambique. O Hospital conta apenas um médico (Dr. Sérgio) para servir uma população de 60 mil habitantes com média de 100 nascimentos por mês e doenças como HIV em 20% dos moradores.

“Agora, com o aparelho doado pelo Dr. Julio Feijó, será possível amenizar e diagnosticar algumas doenças. Para se ter uma ideia, a expectativa de vida aqui é 55 anos também devido à falta de aparelhagem necessária para se ter um diagnóstico precoce. É tudo precário, infelizmente. Sem dúvida, a feliz ideia do Dr. Júlio vai ajudar e muito a unidade hospitalar. Quem sabe outras pessoas de bem possam fazer o mesmo, pois aqui, falta praticamente tudo. O país é muito pobre e quem sofre é a população com um alto índice de mortalidade de crianças”, destacou.

A precariedade é tamanha que Ildo Foppa já foi chamado de madrugada para levar pessoas para um hospital a 200 quilômetros de Dombe, pois na unidade local não havia condições de atendimento.

Dr. Julio destacou o simples gesto de doação do aparelho de Ecografia como uma forma de homenagear o companheiro Ildo Foppa, que largou o conforto da vida em Guaporé, os familiares e os amigos para dedicar-se exclusivamente às pessoas que enfrentam extrema dificuldade de sobrevivência.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários

Newsletter Tua Rádio

Receba gratuitamente o melhor conteúdo da Tua Rádio no seu e-mail e mantenha-se sempre atualizado.

Leia Mais