Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

Empresários organizam ação para colaborar no tratamento médico de Maysa Castro de Moura

por Eduardo Cover Godinho

Drive Thru movimentou a comunidade para um gesto nobre. Adolescente está internada há cinco meses no Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo

Lenir de Castro Moura (D), mãe da Maysa, recebe das mãos da empresária Juliana o valor arrecadado na ação solidária
Foto: Divulgação

Diagnosticada com linfomas, a guerreira Maysa Castro de Moura, de 12 anos, natural de Guaporé, luta pela vida. A adolescente está internada no Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo, há cerca de cinco meses e seus pais de Daniel Moura e Lenir de Castro Moura – moradores do bairro Nossa Senhora da Saúde/proximidades do Centro Municipal Termignoni, praticamente mudaram-se para a para acompanhar o tratamento de radioterapia e quimioterapia. Neste período, ações solidárias foram deflagradas para auxiliá-los nas despesas com exames, médicos e gastos essenciais para o suporte à adolescente.

Com intuito de colaborar, empresários de uma distribuidora de bebidas arregaçaram as mangas e lançaram uma atividade que buscou arrecadar recursos para o tratamento. A “Ação Solidária - #juntospelamaysa” aconteceu no sábado, dia 9 de janeiro, e consistiu em um Drive Thru com parte da comercialização de copos e chopp revertidos para a família. Uma estrutura em frente ao estabelecimento, localizado na rua Monsenhor Scalabrini – proximidades do Zandei Plásticos, foi montada e a movimentação agradou os empresários.

“Só temos que agradecer a cada um que participou do Drive Thru. A comunidade mostrou-se solidária e estamos torcendo pela recuperação da Maysa. Temos a certeza que todos os esforços que estão sendo desprendidos para auxiliá-la não serão em vão. Gratidão a todos. Continuemos em oração para que ela possa vencer essa batalha”, disseram os empresários.

O recurso financeiro arrecadado na “Ação Solidária - >#juntospelamaysa” foi entregue pelos empresários da distribuidora de bebidas em mãos. O valor, a pedido da família de Maysa, não será divulgado.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários