Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
20:00:00
Tua Essência
23:59:00
 
 

Jornada da Viticultura realizada em Ipê ganha novos protagonistas

por José Theodoro

Evento aconteceu nesta quarta-feira e debateu o futuro da uva e seus derivados e apresentou balanço de 702 milhões de quilos em 2015

As mulheres e os jovens foram os protagonistas da XVI Jornada da Viticultura Gaúcha, que aconteceu em Ipê, nesta quarta-feira, 15, reunindo cerca de 600 participantes, que durante o dia debateram o futuro da uva e seus derivados. Também foi apresentado o balanço da safra 2015, que teve uma produção de 702 milhões de quilos para a transformação. Não está contabilizado neste balanço o uva vendida in natura, dentro e fora do estado, a qual é considerada uva comercializada em caixas. Deste montante, 10% é vinífera e 90%, híbrida e americana.

O encontro tratou das questões levantadas nas pré-jornadas que aconteceram em novembro e dezembro do ano passado e junho deste ano. O evento quebrou alguns paradigmas em que as palestras eram feitas somente por técnicos, nesta quarta-feira, produtores, jovens e escolas, também subiram ao palco para passar suas experiências. Outro aspecto que chamou atenção foi o caráter participativo das pessoas do plenário que interviram durante os painéis dando ênfase ao debate.

O encontro foi focado em dois temas: diminuição dos custos da produção e modernização da viticultura. De acordo com o rumo que o debate tomou, é possível diminuir os custos a partir das tecnologias e modernização, que se entende como, não a compra somente de máquinas, mas a adaptação de sistemas e otimização da estrutura. Segundo o diretor Executivo da Fecovinho, Hélio Marchioro, entende-se, dessa forma, que o produtor está remunerando o alimento e o trabalho, não o capital que utiliza para a produção desses dois valores.

Segundo o integrante do Centro Ecológico de Ipê, Leandro Venturini a diminuição levantada no encontro, também pode ser a partir de técnicas como a poda no outono, a produção biodinâmica, gestão da propriedade e utilização de equipamentos adequados.

A XVI Jornada da Viticultura Gaúcha teve apoio do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), da Secretaria Estadual da Agricultura e Pecuária, da Emater/RS-Ascar e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ipê.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários