Você está ouvindo
Tua Rádio
Ao Vivo
12:10:00
No Ponto
14:00:00
 
 

Aberta em Tapes a 25ª Colheita do Arroz do Estado

por Ivan Sgarabotto

Sartori e autoridades abrem oficialmente a colheita do arroz

O governador José Ivo Sartori comandou na manhã deste sábado (7), no Sindicato Rural de Tapes, a 25ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz no Rio Grande do Sul. Sartori destacou a importância da cadeia do arroz e do agronegócio e disse que o Estado deve apoiar ações que promovam o desenvolvimento. "Temos produção, produtividade e gestão. Mas, da porteira para fora, ainda é preciso melhorar, pois temos tarifas altas e ampliar os mercados. O Estado será parceiro das federações, das associações e dos  produtores", afirmou o governador. Com 1,18 milhão de hectares semeados, a perspectiva é de que a produção chegue a 8 milhões de toneladas, o que representa 66% da produção nacional, com produtividade média de 7,6 toneladas por hectare. Cada habitante consome 60 quilos por ano, e a produção gaúcha é suficiente para alimentar 133 milhões de pessoas. O evento é promovido pela Federação dos Arrozeiros do Rio Grande do Sul em conjunto com a Associação dos Arrozeiros de Tapes.  Ao lado do secretário da Agricultura e Pecuária, Ernani Polo, do presidente da Assembleia Legislativa, Edson Brum, da senadora Ana Amélia Lemos e de parlamentares federais e estaduais, Sartori participou da colheita simbólica na lavoura experimental do Irga. Na sequência, autoridades e produtores participaram da chuva de arroz, que simboliza fartura e prosperidade. Ernani Polo homenageou os arrozeiros e disse que o Estado tem de trabalhar para que o homem do campo tenha sua renda assegurada e encontre apoio para ampliar a produção. Ressaltou que demandas como os cálculos do preço mínimo foram levados à ministra da Agricultura, Kátia Abreu, nessa semana, para que sejam revisados. No evento também foi firmado termo de financiamento do Badesul Cidades com o município de Tapes, para obras de infraestrutura urbana, assinado pelo secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Fábio Branco.

Central de Conteúdo Unidade Aurora

Enviar Correção

Comentários